CAPA- 5 benefícios da amamentação para a saúde do  bebê

Falar que a amamentação faz bem para a saúde da criança e da mãe, não é nenhuma novidade!

O próprio ministério da saúde divulga frequentemente campanhas para incentivar a amamentação até os 2 anos de idade e isso deve-se principalmente ao fato de que criança que é amamentada até a idade certa, tem menos doenças e assim representam menos custo para o governo através de atendimentos na rede pública de saúde.

De acordo com a recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS), a ato da amamentação deve representar a única forma de alimento dos bebês de até 6 meses de idade.

Ou seja, o bebê deve receber exclusivamente leite materno e sem complementos (como fazem muitas mães acrescentando leite de vaca industrializado a alimentação do bebê) e, a partir dos seis meses de idade até a criança completar os 2 anos, o leite deve continuar sendo dado em paralelo com a alimentação normal da criança.


Mas vale salientar que o leite materno não se torna nocivo a criança em nenhum momento, por isso a amamentação pode ser dada até o momento em que o filho desejar.

Então, vamos saber agora quais os 5 principais benefícios da amamentação para a saúde do bebê.

Benefício 1 – Amamentação evita cólicas no bebê

O leite materno tem esse poder de prevenir cólicas no bebê, devido as proteínas que ele tem em sua composição.

O leite de vaca não tem o mesmo efeito do leite materno, basicamente pelo fato do leite de vaca ser constituído quase 100 % de proteína do tipo caseína – que são proteínas de difícil digestão – já o leite materno é constituído de globulinas – que são proteínas de fácil digestão.

E por ter esse tipo de proteína, o leite materno não fermenta tanto para ser digerido e assim produz menos gases e evita cólicas.

MIOLO-5 benefícios da amamentação para a saúde do  bebê

Benefício 2 – Amamentação desenvolve a arcada dentária

Isso acontece porque com o movimento de amamentação ocorre um estímulo para o desenvolvimento dos ossos cranianos e faciais, o que proporciona com que os dentes se encaixem da forma correta para a mastigação e além disso estimula o desenvolvimento da musculatura da boca refletindo na respiração, na fala, na mastigação e deglutição da criança.

Benefício 3 – Amamentação diminui o risco de alergias

Com o esforço que o bebê faz para sugar o leite acaba ajudando no desenvolvimento dos pulmões e fortalecendo o órgão contra alergias futuras.

Além disso, o leite de vaca causa bastante irritações no organismo do bebê, favorecendo ao surgimento de rinite, asma, sinusite, bronquite, entre outras doenças respiratórias.


Benefício 4 – Amamentação aumenta imunidade

O leite materno tem células de defesa e vários fatores que combatem infecções e são capazes de proteger o organismo do bebê.

Benefício 5 – Amamentação ajuda no desenvolvimento cognitivo do bebê

O leite materno contém gordura constituída por ácidos graxos poli-insaturados, isso significa que essas gorduras ajudam a formar os neurônios da criança e favorecer as sinapses (conexões) nervosas.