CAPA-Chupar chupeta deforma a bocaChupar chupeta é usado como um artifício para silenciar e acalmar os bebês e crianças de maneira rápida e para esse fim, realmente tem efeito positivo.

Mas, apesar da chupeta ser vista como solução, ela traz muitos pontos negativos relacionados ao seu uso e acarreta em problemas que vão desde consequências no desenvolvimento físico até fatores emocionais da criança.

Os bebês e crianças em idade de amamentação que por algum motivo não tem a amamentação natural como principal fonte nutricional, tendem a adquirir o hábito da sucção não nutritiva, ou seja, chupar o dedo ou chupar chupeta. Seja por influencia da mãe ou por necessidade emocional de sucção.

Porém esse uso de chupetas ou a sucção dos dedos estão elevando o número de problemas nos dentes em crianças pequenas e consequencia futuras, quando o hábito não é contido no momento certo.


Por que chupar chupeta traz deformações?

Quando a criança tem o hábito de chupar chupeta ou o dedo, estimula-se um crescimento fora dos padrões e outras alteração no desenvolvimento do osso do palato, também conhecido como céu da boca.

Esse crescimento fora dos padrões e as outras alteração no desenvolvimento do osso do palato gera problemas para a criança como a má posição da língua, prejudica o seu desenvolvimento bucal e respiratório, também prejudica no crescimento correto e no desenvolvimento das estruturas orais e faciais, atrapalhando a mastigação, fala, deglutição e outros malefícios. Até aspectos de fraqueza emocional podem surgir, pelo hábito de trocar a amamentação natural pela chupeta.

MIOLO-Chupar chupeta deforma a boca

Até qual idade as deformações adquiridas por chupar chupeta são reversíveis?

Quanto mais cedo a chupeta for embora, menos a criança vai ter problemas relacionados ao seu uso. Por isso, o ideal é iniciar o processo de remoção da chupeta aos 2 anos de idade, e chegar aos 3 anos sem nenhum hábito de sucção não nutritiva e assim estas alterações tendem a voltar à normalidade.

Já se a chupeta for removida depois da primeira troca dos dentes de leite, geralmente, a criança irá  ter que usar aparelho ortodôntico.

Problemas decorrentes do hábito de chupar chupeta

  • A má posição da língua, provocando problemas na deglutição e na fala.
  • Compromentimento do desenvolvimento bucal e respiratório das crianças.
  • Prejudica o correto crescimento e desenvolvimento das estruturas orais e faciais
  • Os ossos do rosto crescem de maneira errada e desigual
  • Causa desvios de septos nasais
  • Alteração da mastigação que deveria ser bilateral e alternada e passa a ser vertical ou de um lado só.
  • Alterações nos encaixes dos dentes superiores e inferiores, conhecidas como mal oclusões dentárias ou mordida aberta.
  • Causa a síndrome da respiração bucal, deixando o organismo sujeito a uma série de doenças respiratórias.

O hábito de chupar a chupeta é ruim e deve para o quanto antes. Mas se seu filho não consegue se tranquilizar sem a chupeta, é importante limitar ao máximo o seu uso, deixando-o reservado somente para aqueles momentos de crise de choro ou hora de dormir.