CAPA-Como parar o sangramento na gengivaOs casos de  sangramento na gengiva são bem mais comuns do que imaginamos. Segundo os dentistas, dentre as principais causas motivadoras da procura pelo atendimento odontológico, os problemas com sangramento na gengiva só perdem em numero de atendimentos, para o tratamento de cárie dentária.

Esse sangramento na gengiva é um sinal de alerta de que algo está errado. Por isso, antes de saber como parar o sangramento na gengiva é preciso investigar a sua causa.

Essa causa está relacionada a algum comprometimento das estruturas que dão a sustentação aos dentes e pode ter como agente causador desde uma inadequada escovação dos dentes até uma doença grave como a leucemia.

Vamos destacar os principais fatores que levam a ocorrência do  sangramento na gengiva. São eles: a escovação dos dentes de forma inadequada, o uso inadequado do fio dental, a periodontite, a gengivite, o escorbuto ou ausência de vitamina C no organismo, a deficiência de vitamina K, as alterações hormonais que ocorrem durante a gravidez, as próteses mal adaptadas e até mesmo a leucemia.


Quando falamos em uma escovação dos dentes de forma inadequada, estamos falando do segundo fator que mais provoca esse sangramento.

Uma escovação de forma inadequada é aquela onde a força aplicado nos dentes são acima do necessário e isso acaba provocando a retração da gengiva, expondo as áreas mais sensíveis do dente, e consequentemente, ocasionando lesões e sangramentos na gengiva. O uso correto da escova já faz  parar o sangramento na gengiva.

É normal ouvir pessoas reclamando  que a sua gengiva sangra quando elas usam o fio dental. Mas o que acontece é que são poucas as pessoas que fazem o uso constante do fio dental e da forma correta e por isso há o sangramento na gengiva que é devido a  inflamação do periodonto e que será amenizada pela correta higienização.

A gengivite é a primeira causa na ocorrência do sangrando na gengiva. Essa doença é caracterizada por apresentar inflamação, aumento da sensibilidade, inchaço e vermelhidão na gengiva.

Junto com a cárie, essa doença é a maior causa da perda dos dentes e atinge 80% da população mundial. O uso correto da escova e do fio dental já faz  parar o sangramento na gengiva. Mas recomenda-se ir até o dentista para evitar a sua transformação em periodontite e a perda de dentes.

MIOLO-Como parar o sangramento na gengiva

Na Periodontite, assim como na gengivite, é a calcificação e formação do cálculo ou o tártaro, que provoca o processo de irritação/inflamação da gengiva e consequentemente o sangramento da gengiva.

A diferença da periodontite é que além desse sangramento também há a perda de estrutura óssea do dente. Nesse caso o uso correto da escova e do fio dental é apenas um paliativo ao sangramento na gengiva. Deve-se ir até o dentista para evitar a perda de dentes.

O sangramento na gengiva como sintoma da leucemia, é menos comum do que os outros acima, mas como esse pode ser uma manifestação na região oral da doença  deve-se procurar um médico o quanto antes.