Entre os benefícios do Picão-preto estão o tratamento de problemas no fígado e sua atuação como relaxante muscular. A planta Desmodium adscendens é uma erva mais conhecida no Brasil como Picão-preto ou carrapicho, de crescimento perene, sendo suas folhas e caules as partes medicinais.

Acredita-se a utilização dos benefícios do Picão-preto já sejam usados por milhares de anos pelos povos nativos às áreas onde a planta cresce.

Os benefícios do Picão-preto são vários, incluindo o tratamento de hepatite, proteção do fígado com cirrose e também contra o excesso de álcool ingerido, tratamento de dores nos músculos, tratamento de tendões com problemas, tratamentos relacionados a coluna, tratamento de reumatismo, tratamento de asma, tratamento de sintomas de várias alergias e tratamento de eczema.

A boa quantidade de alcalóides da família dos indólicos são um dos benefícios do Picão-preto. Os alcalóides são aminas cíclicas que possuem anéis heterocíclicos contendo nitrogênio.

Nas plantas, eles têm a função de defesa contra insetos e animais predadores e nas medicações, eles são benéficos por atuarem como estimulantes do sistema nervosos central, porém, podem causar dependência física e psíquica.

Alguns exemplos de alcalóides da família dos indólicos são a Nicotina, a Cafeína e a Morfina. Outro benefícios do Picão-preto é que a planta contém 4 mg por 1 kg de alcalóides expressos em triptamina.

A triptamina é importante para o bom funcionamento neural, atuando como um alcalóide monoamínico bioativo que é encontrado em plantas, fungos, e animais.

Ele é quimicamente relacionado ao aminoácido triptofano e encontrada em quantidades de traços nos cérebros de mamíferos, sendo sua presença atribuída a um papel como um neuromodelador ou neurotransmissor.

Há vários benefícios do Picão-preto para o sistema respiratório, ajudando a limpar os seios nasais, a parar uma tosse persistente depois da gripe, ajuda a limpar as vias aéreas congestionadas rapidamente e até mesmo ajuda a aliviar o temido ronco.

Trata também pacientes com tosse crônica, asma, corrimento nasal e espasmos brônquicos.

Nos pulmões, um dos benefícios do Picão-preto está na inibição da contração gerada pela histamina sobre os músculos lisos, fator que leva a um efeito de relaxamento sobre os brônquios muito rápido e evita uma parada respiratória.

Estudos afirmam que o uso tradicional do carrapicho para asma, principalmente em ataques agudos, pode ter resultados positivos.

Para o tratamento de problemas no fígado também há benefícios do Picão-preto para o paciente.

O uso dessa planta provoca melhoras nos níveis de enzimas do fígado são observadas mesmo dentro de uma semana e a normalização gradual da elevação de enzimas do fígado podem, por isso, atuar também contra o vírus da hepatite A e hepatite crônica do tipo C, mesmo não havendo propriedades anti-virais diretas contra o vírus da hepatite.

O Picão-preto também pode atuar como relaxante muscular, atuando como relaxante muscular antiespasmódico e recomendado para dores nas costas.

Isso é tão especial devido a alta complexidade envolvida nos problemas nas costas estando essas dores entre as mais dolorosos, incapacitantes e com condições menos prováveis de responder favoravelmente a um tratamento médico padrão, incluindo drogas e cirurgias.

Aprenda 3 TREINOS Super Rápidos para Derreter Gordura em 4 Min!

Receba um Mini Curso Grátis com 3 Séries de Treino Super Intensas, Ideais para Queirmar Gordura Localizada. >>

Quase lá! Só falta acessar seu email e confirmar a inscrição. ;)