reeducação alimentar Se somos capazes de nos sacrificar enquanto fazemos dietas tão rigorosas para perder alguns quilos, por que não empenhar um pouco e viver sempre magra? A maioria das pessoas preferem tentar as dietas de emagrecimento rápido antes de tentar a mais básica das dietas, a reeducação alimentar. É uma dieta simples, mas como qualquer outra necessita de uma boa dose de força de vontade, pois não é fácil deixar velhos hábitos como comer um bom sanduíche do MacDonald´s com refrigerante. O mais importante é pensar magro com saúde. Tenha sempre em suas refeições a maior variedade possível de nutrientes. E tente lembrar do ditado “Café da manhã de Rei, almoço de príncipe e Jantar de mendigo.” Faça substituições dos alimentos perigosos para a saúde por outros benéficos e saudáveis. Tente variar sempre e escolha sempre uma alimentação colorida.

Melhores dicas
– Nunca se esqueça que é muito importante não só para sua reeducação, mas também para o melhor funcionamento de seu metabolismo ter 5 a 6 refeições por dia, com pequenas quantidades de alimentos. Faça as seguintes refeições: café da manhã, lanche da manhã, almoço, lanche da tarde, jantar e ceia.
– Prefira os alimentos frescos, naturais e integrais, alimentos industrializados, podem contar tantas outras coisas além dos nutrientes em si.
– Tente limitar as frituras no máximo 1 vez por semana, e mesmo assim use azeite ou óleos vegetais
– Evite os alimentos ricos em gordura saturada como manteiga, banha, creme de leite, queijos amarelos, carne gorda e com gordura aparente, como picanha, tender.
– Tenha sempre em seu cardápio alimentos integrais, como arroz, pães, frutas frescas, verduras e legumes.
– As fibras não podem faltar nunca, dão saciedade e ajudam a regular a absorção de glicose e colesterol, ajuda no bom funcionamento do intestino e na eliminação das toxinas.
– Escolha alimentos de baixas calorias. Como às opções light, desnatados, queijos e carnes magros, alimentos integrais, etc.

Tente mudar sua lista de compras.
* o açúcar refinado por frutas, adoçantes artificiais.
* a manteiga pelo óleo de soja ou azeite de oliva.
* massas por verduras e legumes,
* refrigerantes, sucos artificiais por sucos naturais.
* alimentos fritos pelos cozidos.
* alimentos cozidos por crus quando possível.
* a cerveja e bebidas alcoólicas pelo vinho.
* a carne vermelha pela carne branca (frango, peru etc.)
* doces, bombons por frutas.
* o leite integral pelo desnatado.

Como deve ser uma boa vida alimentar


Observe a piramide(clique na imagem para vê-la maior)
reeducacao-piramide-alimentar
Na nova piramide alimentar, tem-se como maior fundamento, os exercícios físicos e muita hidratação e controle de peso. Então MEXA-SE, faça algum tipo de exercício físico.

Na pirâmide os alimentos que mais devem ser consumidos junto a base principal de execícios e muita água. . Cereais integrais são importantes por causa das fibras, para um melhor funcionamento intestinal. Os laticínios são necessários pela composição de cálcio e proteínas.

Os óleos vegetais que promovem o bom colesterol, combatendo o mal colesterol. Ovo se destaca nas carnes por ser um alimento anti-anêmico. No topo estão os alimentos que sofrem o processo de refinação, perdendo nutrientes e responsáveis pelo ganho de peso e obesidade e que devem ser consumidos com muita moderação.

A maior mudança na nova pirâmide está nos alimentos integrais, que devem ser consumidos diariamente, substituindo principalmente os pães e arroz branco.

Verduras, legumes e frutas não sofreram maiores mudanças. Devem ser consumidos com entusiasmo.

Nessa nova versão o consumo de vinho e alguns suplementos estão adicionados, desde que com muita moderação e no caso dos suplementos sempre com orientação profissional.

refeicao-saudavel
Seu café da manhã deve ter
– leite ou iogurte ou queijo
– torradas ou pão ou cereais matinais
– uma quantidade pequena de geléia ou margarina pode ser consumida
– frutas e/ou suco de frutas
– frios como presunto, presunto de peru, salame, copa

No almoço ou jantar é importante ter
– leguminosa (feijão, ervilha, lentilha, soja, grão de bico.);
– alimento fonte de cereais (arroz, macarrão, batatas, pão)
– ou mais verduras (alface, agrião, brócolis, repolho, almeirão, acelga, rúcula, espinafre.);
– fruta ou suco de frutas (laranja, maçã, pêra, uva, banana, mamão, melancia, melão, morango, caju).
– ou mais legumes (cenoura, chuchu, beterraba, quiabo, rabanete, pepino, vagem.);
– carne (carne bovina, carne de porco, frango, peixe, ovos, peru, galinha, frutos do mar.)

Nos lanches algo prático e saudável

– frutas
– bolachas integrais
– chás
– leite
– iogurte
– barra de cereais

Escolha um estilo de vida mais saudável assim você poderá viver em paz com a balança. Esforce-se, mas não se sacrifique.
Estar de dieta não quer dizer passar fome, ou ficar sem comer. E sim saber o que comer.