Quando notamos que estamos acima do peso é natural que quase instantaneamente já nos venha o pensamento de que precisamos fazer uma dieta urgente, o que não é propriamente uma má ideia, porém não se deve fazer qualquer dieta. Existem dietas que são excelentes e inclusive são mais fáceis de fazer por não serem tão radicais, mas também existem dietas que são muito radicais e podem prejudicar a saúde.

Dietas que são muito restritivas tendem a realmente nos fazer emagrecer rápido, mas por outro lado nos trazem no mínimo 2 problemas, que são:

  • Riscos para a saúde
  • Voltar a engordar após a dieta

Para emagrecer de forma definitiva o mais indicado é optar pela reeducação alimentar, com ela poderá emagrecer sem ter que passar pelos problemas das dietas radicais, como por exemplo ter que lidar com a fome (mesmo comendo a cada 3 horas é difícil). Confira algumas dicas excelentes no vídeo a seguir.

Vídeo Sobre os Riscos das Dietas Radicais!

Como foi visto no vídeo até mesmo falando em gastos com a dieta é mais vantajoso optar por uma boa reeducação alimentar, afinal alimentos saudáveis são realmente mais baratos do que os industrializados. Isso sem contar que se alimentando adequadamente ainda terá outro benefício que é mais disposição no dia a dia.


Tendo mais disposição mais uma vez estará se beneficiando porque se sentirá melhor praticando atividades físicas, que por sua vez além de serem muito boas para a saúde ainda estarão também contribuindo para que emagreça. O melhor é que praticando esportes ainda poderá se permitir comer algumas guloseimas vez ou outra porque estará queimando uma grande quantidade de calorias e seu metabolismo estará acelerado.

É um ciclo, ou inicia um ciclo de “efeito sanfona” com dietas radicais ou pode optar por emagrecer gradualmente através da reeducação alimentar e ter inúmeros benefícios a médio/longo prazo. Outra dica importante é que mesmo que faça uma dieta radical, se deseja permanecer magra irá precisar rever seus hábitos alimentares, isso é fundamental.