CAPA-O uso de finasterida para tratamento de queda de cabelo ajuda a aumentar o volume dos músculosEsse artigo foi feito para que você entenda porque a finasterida além de ser usada na prevenção e no combate do hiperplasia benigna de próstata e da calvície, também pode ajudar no aumento de massa muscular.

A finasterida é o princípio ativo do medicamento comercializado com o nome de “Finalop”. Ele surgiu no final do século XX como alternativa que veio revolucionar a forma de encarar o problema de câncer de próstata e logo em seguida, descobriram o seu efeito na reversão do quadro de calvície.

Hoje, a finasterida é bastante usada para tratar a calvície e também atua no tratamento do câncer de próstata já instalado e na prevenção do seu aparecimento.

Esse medicamento tem o intuito de impedir a queda de cabelo nos pacientes diagnosticados com alopécia androgênica, conhecido como calvície hereditária e hoje é um dos medicamentos mais vendidos no mundo, visto que a alopécia androgênica atinge, em algum grau, cerca de 50% dos homens até os 50 anos de idade e de 10% a 20% no total de mulheres.


A finasterida atua no couro cabeludo no processo de transformação da testosterona em dihidrotestosterona, hormônio relacionado ao afinamento dos fios de cabelo na alopécia androgênica. O uso dessa droga ajuda a combater a queda de cabelo, pois uma vez que a testosterona é impedida de se transformar, a queda não ocorre.

Devido a essa não conversão da testosterona, abre-se um precedente para a utilização dessa testosterona em outros processos metabólicos, a exemplo da sua atuação como hormônio anabólico no crescimento muscular.

Então, associando esse conhecimento e sabendo-se que os nossos músculos tem receptores para testosterona, onde ao se conectar proporciona melhores rendimentos durante os exercícios, a finasterida acaba sendo associada a melhoras no ganho de massa muscular por muitas pessoas.

Não há estudos que comprovem isso!

MIOLO-O uso de finasterida para tratamento de queda de cabelo ajuda a aumentar o volume dos músculos

Apesar de muitos relatos em sites que falam sobre esse “efeito colateral positivo” da finasterida, ainda não há estudos científicos que atestem que essa associação realmente aconteça e, caso aconteça, qual o percentual de melhora no rendimentos dos exercícios e consequente aumento muscular.

Cabe agora aguardar as pesquisas serem lançadas sobre essa possível associação entre o uso da finasterida e o aumento da massa muscular.

Veja mais informações sobre o uso da finasterida na prevenção e no combate do hiperplasia benigna de próstata, na prevenção e no combate da calvície e também se há relação entre o uso desse medicamento e o aumento de massa muscular dos pacientes, vídeo abaixo: