micronutrientes
Quem faz musculação com o objetivo de ganhar massa muscular (hipertrofia) geralmente tem diversos cuidados com sua alimentação e também com uma boa suplementação, isso sem contar com uma rotina de treinos adequada, bom descanso e tudo o que é necessário para ter um bom desenvolvimento muscular. Porém mesmo com tudo isso algumas pessoas simples não ganham músculos, até ganham força e capacidade de explosão muscular mas sem a hipertrofia em si, isto pode estar relacionado a sua nutrição e entenderá porque.

Geralmente quem busca informações sobre como fazer suplementação alimentar para ganhar massa muscular acaba se deparando com dicas de suplementos e alimentação com base em ter um maior aporte de macronutrientes como os carboidratos. Estes nutrientes são realmente fundamentais para desenvolver massa muscular, porém sem ter micronutrientes em quantidades adequadas talvez não se desenvolva como deveria.

Antes de qualquer coisa poderá tentar identificar se está com falta de algum micronutriente, veja se possui algum destes sinais:

  • Não está ganhando massa muscular mesmo se alimentando e suplementando?
  • Estava tendo ganhos mas tem notado que não está mais se desenvolvendo?
  • Está sem ânimo ou força?
  • Anda sentindo falta de disposição para os treinos e no dia a dia?

Estes são alguns entre muitos outros sintomas que podem ocorrer caso tenha uma alimentação pobre em micronutrientes (vitaminas e minerais). A seguir poderá ver porque micronutrientes são importantes e quais os que geralmente mais afetam quem pratica esportes.

Por que Necessito Micronutrientes para Ganhar Massa Muscular?

Infelizmente ainda há quem pense que para ganhar músculos apenas combinar proteínas e carboidratos é suficiente para ganhar massa muscular, o que não é verdade, para ganhar massa muscular além de boas quantidades de proteínas, carboidratos e muito exercício é importante que consuma as quantidades adequadas de vitaminas e minerais. As vitaminas e minerais realmente não desempenham papéis diretos na construção muscular, porém são eles os responsáveis por praticamente todo o equilíbrio metabólico (que fará ou não um bom aproveitamento dos macronutrientes).

As vitaminas e minerais são estão envolvidos em todos os processos químicos e fisiológicos do organismo, assim atuando em diferentes regiões (entre elas na musculatura). Para entender a importância, imagine que as vitaminas e minerais atuam como a massa que irá sustentar os tijolos (proteínas) de uma construção. De nada adianta ter boas quantidades de “tijolos” se não possui meios de os utilizar para construir músculos fortes e saudáveis.

É verdade que algumas vitaminas geralmente não necessitam de suplementação, tanto por serem fabricadas no próprio corpo como é o caso da vitamina D, já outras vitaminas necessitam ser ingeridas através da alimentação ou suplementação, ainda assim existem algumas que raramente terá falta, que são as vitaminas lipossolúveis pois raramente são eliminadas do corpo.

Vitaminas que costumam estar em baixa (principalmente em atletas) são as vitaminas hidrossolúveis como a vitamina C por exemplo, ainda assim é preciso ter cuidado para não gerar um quando de hipervitaminose, que no caso da vitamina C e também da D podem gerar quadros de resistência a insulina.

Como Saber Quais Vitaminas Devo Suplementar?

Saber exatamente quais são as vitaminas e minerais que precisa suplementar sem a ajuda de um profissional da área de nutrição é algo bastante complexo, o ideal é realmente buscar por um bom nutricionista pois este terá como avaliar como anda sua alimentação e ter uma maior precisão sobre o que podes estar faltando.

Mas de um modo geral o que costuma estar em baixa são as vitaminas hidrossolúveis, isto pelo fato de que além de serem ingeridas através da alimentação ainda são eliminadas através de líquidos (o que ocasiona uma perda muito maior).

As vitaminas hidrossolúveis são: vitaminas B1, B2, B6, Ácido Pantotênico, Niacina, Biotina, Ácido Fólico, B12 e C.