CAPA-Saiba quais são as principais causas do ronco (1)Sejamos sinceros, dormir ao lado de uma pessoa que ronca a noite toda é algo desagradável. Na maioria das vezes a pessoa que ronca nem percebe que faz isso.

Mas, o fato de roncar não é apenas algo ruim de se ouvir, é também um sinal de que há um problema de saúde na pessoa, podendo ser desde uma sinusite até casos graves da síndrome da Apneia Obstrutiva do Sono.

No nosso artigo de hoje, vamos te falar um pouco mais sobre o ato de roncar, identificar as principais causas do ronco e lista-las para você. Acompanhe!

O que causa o som do ronco?

As causas do ronco, quando falamos da estrutura corporal, estão relacionadas ao tônus do pescoço, da boca e do nariz, da pessoa.


Explicando detalhadamente, quando a pessoa vai dormir, a tensão na região do tônus do pescoço, da boca e do nariz diminui e deixa mais estreito o espaço por onde o ar circula.

Essa diminuição da tensão na região do tônus do pescoço, da boca e do nariz acelera o processo respiratório da pessoa e acaba por provocar a vibração dos tecidos do palato mole, da úvula e da língua e dessa vibração é emitido o famoso ronco.

Dentre as causas do ronco, se destacam as seguintes:

MIOLO-Saiba quais são as principais causas do ronco (1)

1 – Excesso de úvula ou palato mole

O excesso de úvula ou palato mole deixa mais estreito o espaço por onde o ar circula e é umas das causas do ronco. Para correção desse problema é indicado um tratamento cirúrgico, através da uvulopalatofaringoplastia, ou seja, correção do excesso de úvula ou palato mole.

2 – Flacidez no céu da boca

A flacidez no céu da boca também  deixa mais estreito o espaço por onde o ar circula e é umas das causas do ronco. Para correção desse problema também é indicado um tratamento cirúrgico, através da palatoplastia. O tratamento serve para dar consistência à flacidez do céu da boca e evitar a vibração.

3 – Síndrome da Apneia Obstrutiva do Sono

A síndrome da Apneia Obstrutiva do Sono também é uma das causas do ronco. Quando o ronco é interrompido por paradas respiratórias ou a pessoa ronca em qualquer posição em que ela esteja dormindo, é provável que estamos diante da Síndrome da Apneia Obstrutiva do Sono. A qualidade do descanso diminui e implica em prejuízo na rotina diária.

4 – Sinusite

Essa é uma das doenças que estão associadas ao ronco. A sinusite instala um processo infamatório na região do nariz e o volume da mucosa que as reveste essa região é aumentada, possibilitando uma obstrução na região e requerendo maior esforço respiratório. Nos casos de ronco associado a sinusite, o ronco é ocasional e consequente a esse quadro clínico.